" Se ela fosse um rap seu cheiro seria o beat pra ver ela outra vez, eu deixaria no repeat. Saberia de cor cada linha cantaria e declararia pra todos que aquela música é minha.. O primeiro acorde seria o seu olhar, a introdução seria o seu sorriso, seu corpo o improviso, com a letra mais treta de rimar, e seu beijo seria o refrão mais fácil de lembrar. "